30 dezembro 2010

Perguntinha do dia...

E quem nunca comprou nada na Ensitel  mas mesmo assim se sente indiganado, adere a que tipo de grupo nas redes sociais?

29 dezembro 2010

Holy mood awards

Foi-me lançado o desafio de criar cognomes para os colegas de trabalho que fossem divertidos, relacionados com alguns traços da sua personalidade, hábitos ou funções que desempenham.

Após alguma reflexão resolvi usar designações de filmes/séries alterando-as ligeiramente e adaptando ao que pretendia. Claro que resulta melhor quando conhecemos as pessoas e as identificamos nas designações. Não obstante, como me diverti bastante e eles também, resolvi postar. Ora então ficou assim:

Department awards 2010

The little mothermade   de “ The little mermaid”

Snack forever after   de “Shrek forever after”

The last hair bender   de “ The last air bender”

Consenso and sensibility   de “Sense and sensibility”

The hungryover   de “The Hangover”

Tie every other day   de “Die another day”

Billy the “Kute”   de “Billy the Kid”

The lord of the things   de “The lord of the rings”

Átacar   de “Avatar”

Mama tia   de “Mama Mia”

MC Giver de “McGyver”

The dear hunter de “The deer hunter”

Áhmeudeus de “Amadeus”

Scente-se a woman de “Scent of a woman”

19 dezembro 2010

O Natal...

Já achava que o Natal se tinha tornado numa época do ano em que o consumismo se adiantava a todas as outras formas de o viver. Mas desde o ano passado que o Natal não me diz muito. Depois de uma doença gravíssima, o meu pai faleceu às 20:00 do dia 24/12 e o funeral foi dia 25 . Esta data ficou assim marcada  pelas piores razões. Por isso este mês não haverá grandes dislates neste blogue.
Bjs e abraços

Octávio

E a pergunta do mês:
"So this is Christmas and what have we done?"



Bom Natal!

08 dezembro 2010

R.I.P. Johnny

Mais  um ano passou sobre o brutal asssassinato de John Lennon.
Uma das primeiras homenagens, em forma de música, foi do Elton John (goste-se ou não) com "Empty Garden".

01 dezembro 2010

E a pergunta do dia vai para a TVI...

Segundo mais uma revelação do Wikileaks, a diplomacia americana terá afirmado que era necessário acarinhar o nosso Ministro dos Negócios Estrangeiros.

A TVI fez uma tradução mais apimentada, seguramente com os olhos nas audiências, e enquanto nos outros canais a palavra era “acarinhá-lo”, na TVI, o termo derivou para “acariciá-lo”.


A pergunta que se impõe é:
E este canal de televisão não conseguiu apurar quem, da Diplomacia americana, teve ou terá a incumbência de acariciar muito o Ministro dos Negócios Estrangeiros?

Na sequência desta notícia, foi entregue o prémio, “Não pensem que os ditados estão todos inventados” à  digníssima Eurodeputada Ana Gomes, com a seguinte pateguice:

“Mais depressa se apanha um acariciado do que um coxo”.

 
Não consegui fotografar a frase toda mas aqui fica um excerto. 
E assim nos divertem as notícias o que já vai sendo raro!
Era tudo boa noite!

30 novembro 2010

Mas onde é que está a polémica?

Rebentou uma polémica. O Wikileaks divulgou segredos diplomáticos do EUA, que inclui informação sobre várias personalidades mundiais.

Eu não vejo onde está a controvérsia. Segredos?
Dizer que o presidente do Zimbabué é maluco! Que o Berlusconi é vaidoso e que as noitadas frequentes com 10 meninas de vinte e poucos anos fazem com que não descanse o suficiente! Que a Angela Merkel é raramente criativa (já se notava pelo tipo de farpela que usa). Que o Presidente da Coreia do Norte tem traumas físicos e psicológicos? Que Sarkozy é autoritário. Que o Chavez está louco
Tudo novidades, está visto…mas para quem não vê ou ouve notícias desde 2005!

Eu até acho que a informação está muito incompleta porque existem mais relatórios americanos, sobre outras personalidades, que ainda não foram divulgados e aos quais o Antifalsidades teve acesso em primeira-mão. Ei-los (quando o Wikileaks quiser publicar esteja à vontade porque não cobro mais por isso):

O Primeiro Ministro (PM) português é um homem muito elegante, notável tribuno, mas não sabe o que fazer em situações de crise.

O Ministro das Finanças tem um cabelo grisalho muito bem cuidado, é um admirável economista mas pede sempre a opinião ao PM sobre como resolver situações de crise.

O Presidente da República, indivíduo esbelto e exímio economista, é o único que sabe na prática como resolver a crise mas não pode fazer quase nada para isso.

O Medina Carreira, digníssimo Ministro das Finanças em mil novecentos e tal, é o único que sabe na teoria como resolver a crise mas, a quem, todos os outros excelsos economistas actuais não ligam nenhuma.

Jesus, técnico catedrático do futebol, com inegável competência, mas que a deixou fugir na troca de jogadores do Verão e agora anda a procura dela, para ver como pode ressuscitar a equipa após a crise.

José Castelo Branco, ainda não descobrimos bem o que aquilo é!

23 novembro 2010

Sim eu creio!

Parece que querem crucificar alguém já no Natal... Mas em verdade, em verdade vos digo, para quem "acardita", ele ainda vai ressuscitar antes da Páscoa!

22 novembro 2010

O bom vinho de "Maltália"

Todos sabemos que Malta é um estado bem pequenino e simpático. Todos sabemos que não têm muito espaço para grandes propriedades agrícolas. Mas têm vinhos. E até exportam em quantidade. Mas então onde é que cultivam as uvas? A resposta está nesta garrafa de um bom vinho maltês que bebemos num célebre jantar em La Valletta.

Pois as uvas são recolhidas em Itália e as remanescentes fases da produção são ultimadas em Malta. Agora imagine-se a logística da coisa, embarcações tina com cachos de uvas acabadas de colher a navegar no Mediterrâneo para serem espezinhadas por “agricultores” malteses, que não as cultivam, podendo, a partir do momento em que se mescla com a bromidrose das extremidades inferiores das perna maltesas, chamar-se vinho de Malta…

Mas se pensarmos bem já os célebres cavaleiros da ordem de Malta não eram malteses! E a ordem tem sede em Roma.
E o gato maltês que tocava piano e falava francês era da Escandinávia e foi trazido pelos Viquingues. E como é que tocava piano? E francês… se nem sequer é língua oficial em Malta. Nem na Escandinávia!

E a febre de Malta? Que pode ser transmitida por produtos lácteos e em qualquer país?

Ah! Agora que me lembro, o nosso “vinho do Porto” é envelhecido em Gaia mas as uvas são oriundas  da zona da Régua…Bem é melhor ficar por aqui… É que estes mistérios são difíceis de desvendar e o texto já vai longo!

Boa noite e divirtam-se pois “o que é preciso é animar a malta”! E um brinde a Malta terra de gente simpática!

19 novembro 2010

E porque não um pouco de análise política?

Barack Obama reuniu com o primeiro-ministro, aproveitando a cimeira da NATO. Deve ter sido mais ou menos isto que o nosso PM lhe transmitiu, (mas em inglês mais técnico, repetindo muitas vezes o verbo Can):

“Sr. Presidente nós pudemos colaborar com a cimeira dos Açores em vésperas da segunda invasão do Iraque, nos podemos pertencer à NATO, os vossos filmes podem passar todos nos nossos canais de TV, pode haver um McDonalds em cada esquina e fast food americana em todo lado, por isso não nos pergunte mais o que Portugal pode fazer pelo seu país. Pergunte-nos antes, o que é que o seu país pode fazer por Portugal porque nós não podemos nem sabemos fazer mais fazer nada.”

14 novembro 2010

Regressei e logo com um post de caca…

Como já tinha referido aqui, sempre apreciei o universo da publicidade. O processo criativo da concepção, a imaginação necessária, as mensagens subliminares mas, sobretudo, os devaneios e as lorpices…que me divertem.

Numa revista que li numa clínica e que tinha como tema a saúde, encontrei este anúncio que pode passar despercebido a muita gente mas que vou analisar a fundo. Quer dizer, não tão a fundo como isso porque o assunto é, como dizer...uma porcaria.



Assim de forma rápida as perguntas que se impõem são:
Quem é que realmente acha que após beber o chá enterodesbloqueador (penso ter inventado mais um termo para a língua portuguesa!), o senhor está naturalmente a livrar-se da prisão de ventre? Num escritório? E de calças vestidas? E com toda a gente olhar para ele? E isto é considerado natural?

Para mim o mais natural era, em plena reunião, ele estar a livrar-se dessa prisão com as calças em baixo! Isso sim era normal e não me chocava, se bem que não estou a ver por ali papel higiénico à mão nem local para lavar as mãos.

Mas se julgarmos que realmente a infusão funciona tão bem e que o senhor se livra dos excedentes do processo digestivo, como exemplificado, de que forma é que ele sai reunião e enfrenta o resto do dia no escritório, com uma mancha no traseiro?

E porque é que associam este fenómeno às leis penais chamando-lhe prisão de ventre. Para a prisão vai quem já tem o trânsito em julgado e aqui, julga-se, que não há mesmo trânsito nenhum. Está tudo parado certo? Então se querem continuar a associar às leis penais porque não chamar apenas detenção no ventre. Ficava mais de a acordo com as leis processuais penais actuais. Detém-se, mas é só por um bocadinho porque, a seguir, liberta-se logo tudo e vai todo um trabalho meticuloso de alguém por água à baixo.

Eu até iria mais além, propondo que a designação para esta problemática intestinal se adapte aos novos tempos e que se faça uma analogia com as leis fiscais. Assim eu passaria a chamar a isto retenção no ventre, mas só até 2013 ou 2014 porque, segundo o governo, é quando acaba a crise e as retenções na fonte serão mínimas.

E por aqui me fico. Não quero aprofundar mais este interrogatório mas deixo aqui a última questão:
Mas quem é que inventou esta bodeguice de anúncio?

PEDRO JÓIA

Ontem fui a um concerto de Pedro Jóia com a família. Mas que guitarrista! E o trabalho que desenvolve é tão pouco divulgado entre nós... O recital incluía arranjos de músicas do grande Armandinho, o maior guitarrista da primeira metade do Séc. XX, Carlos Paredes, o maior guitarrista da segunda metade do mesmo século e peças da Argentina, Paraguai, Espanha Coimbra e Lisboa.
Sozinho mas com um estilo vibrante e frenético que próvem da sua formação em Espanha, Pedro Jóia parecia estar acompanhado de mais guitarristas num espectáculo que nos reconfortou a alma.

Anexo aqui uma foto do autógrafo que deixou no meu CD e uma música, aqui ao lado, onde se comprova o seu virtuosismo.  


Finalmente o computador está operacional!!!

Estou de regresso a estas lides. O computador está como novo, não sem antes me ter chateado com a demora da Chip 7. Mesmo assim já com o PC em casa, tive que ligar alguns cabos das portas USB que "nos esquecemos de ligar" e de ter que, na Bios, autorizar o processamento da placa de som que também se esqueceram...enfim!
Vou então postar algo e já volto!

30 outubro 2010

O meu pc, que já não andava bem,pifou...

Estive uma semana fora e quando voltei o meu PC não iniciava o Windows. Está dentro da garantia mas graças à Chip 7 ainda não está pronto. "Estamos a ver o que se passa", "é da placa gráfica ou do cooler", "a placa tem que ser testada pois é de alta performance", "estamos à espera de uma placa gráfica","já instalamos os drivers e estamos em testes", são algumas das afirmações que fui ouvindo esta semana.
A todos os visitantes que me têm incitado, por email, para continuar a escrever o meu obrigado.
E agora vou largar o portátil de um amigo que o disponibilizou para escrever isto. Até já.

16 outubro 2010

A primeira palavra "carófona"...

Tenho visto muitos erros escritos por aí e a culpa, desta vez, não é do acordo ortográfico.

É que desde há já alguns dias, as SCUT (Sem Custos para o UTilizador) tem que se escrever CCUT (Com Custos para o UTilizador). No fundo é uma palavra carófona ouve-se da mesma maneira mas paga-se de maneira diferente…

Imagem da RTP

13 outubro 2010

DA MINHA SENSIBILIDADE SOBRE PLANTAS...

Já aqui me pronunciei sobre a minha sensibilidade para as artes da decoração e prometi que iria discorrer igualmente sobre a sensibilidade que nutro relativamente às plantas.
Pois então lá vai:

Não percebo quase nada de plantas ou flores! Sei apenas que requerem um pouco de atenção e é uma relação que necessita de ser cultivada, como nas relações amorosas. Sei igualmente que não se pode dormir com muitas no quarto por causa de determinadas doenças que podem causar, tal como nas relações amorosas.

Depois nunca perdoei o facto de, aos quinze anos, ter que decorar todos aqueles nomes técnicos e saber mais sobre a reprodução das plantas do que a dos seres humanos. Ele era o gametófito, o esporófito, os esporos, o endosperma, o carpelo, o estame, a sépala, o pedúnculo e o receptáculo e, sobre meninas, nada!

A analogia mais próxima com a cópula, era quando o professor repetia várias vezes que o “esporófito era depositado no receptáculo”. Podíamos saber perfeitamente que, o estróbilo vegetal só existe nas gimnospermas, mas, para se saber como o espermatozóide chega ao óvulo, tínhamos que recorrer a revistas da especialidade estrangeiras e com um desdobrável no meio. Como era tudo escrito em estrangeiro, fitávamos apenas as imagens…

Mas voltando ao assunto, da última vez que visitei um jardim, bem tentei saber um pouco mais sobre plantas, mas a difícil linguagem botânica não ajudou muito a que eu fixasse toda a panóplia de designações, com excepção de algumas que, estavam inscritas nas placas descritivas claramente para prender a atenção do leitor. No fundo para aumentar as "audiências", apimentando tal linguagem que, sem um dicionário por perto pode desmotivar qualquer um. Eis alguns exemplos:




Vejamos então se não tenho razão. Porquê usar num texto botânico as seguintes expressões: “porte estendido esférico”, “lustroso na parte superior” e com “glande comestível”, “caule erecto” e “tufo na extremidade do caule”, senão para chamar a atenção e expor despudoradamente a anatomia vegetal?

E porque se chama à castanha uma “glande comestível”? Quem é que inventou estas analogias para aí no séc. XV e a inquisição/censura deixou passar?

Deixo aqui então estas questões com esperança que se reflicta sobre isto e se esclareça a maior parte dos cidadãos sobre a dicotomia da linguagem botânica, para nos começarmos a habituar à ideia de, no São Martinho pedir na esquina da rua, uma dúzia de glandes comestíveis quentes e boas, sem que fique toda a gente a olhar para nós…
Quando tudo isto for resolvido talvez eu passe a prestar mais atenção às flores!
E é tudo sobre a minha sensibilidade sobre a flora. Boa noite.

06 outubro 2010

E quem é o tipo que inventa estas perguntas...?


Algures por aí a navegar surgiu este popup. Não sei que tipo de teste era nem quantas perguntas tinha pois não me dei ao trabalho de clicar quando já sei a resposta desde as primeiras aulas de ciências:

Eu e todos os homo sapiens somos do tipo sexuado!

Sinto aqui uma certa legitimidade para perguntar: E que raio de tipo de pergunta é esta?

Era só. Obrigado!

30 setembro 2010

FAST MARKETING...

Quero aqui deixar bem claro que com os meus amigos eu não uso óleo 100% vegetal. Os meus amigos não ficam sensaborões quando arrefecem nem contribuem para o aumento do mau colesterol. Quando os meus amigos não estão presentes eu não os substituo por arroz, massa ou batata cozida!

Em suma, os meus amigos não são nada como batatas fritas... e os vossos? Por isso é que  "I'm not lovin" esta comparação estapafúrdia!

O SKYPE JÁ FOI MAIS BARATO...

Com muita pena minha, este será provavelmente um dos meus últimos posts neste blogue. "Valores mais altos se alevantam" e não poderei continuar esta saga com a qual me divertia imenso..

27 setembro 2010

CREIO QUE JÁ SE PODE.. OU AINDA É CEDO?

Como este ano o meu Benfica anda "coxo" das alas e vai assim/assim, o Zzzbording vai e não vai, o Braga anda entretido com jogos a meio da semana e sem pernas para os desafios de fim-de-semana, penso que este ano os portistas já podem ir reservando as praças e rotundas deste país....
É justo! O ano passado foram atormentados desde Março e este querem despachar a coisa cedo.

23 setembro 2010

DE VOLTA, E LOGO COM UM POST DE BOLINHA VERMELHA…

Eu sei que esta imagem circula por aí nas redes sociais, mas acontece que eu numa das voltinhas pela cidade de Lisboa, passei perto do Castelo e dei de caras com o dito jardim. Não resisti e de braços erectos captei esta foto. O mais irónico é que o jardim fica entalado entre a rua de São Tomé e a R. do Salvador. Enfim é ver para crer…



Ao ver o local, pequeno jardim com dois ou três bancos daqueles em madeira rija, senti necessidade de saber o nome do autor, supondo que, com certeza, já estaria perdido na memória endurecida pelo tempo. No fundo, queria aqui erguer uma homenagem para tentar elevar o talento do autor, que com um grupo de companheiros arrebitaram para sempre, a pouco humorada toponímia de Lisboa. Carlos Vinagre, de seu nome e calceteiro de profissão, (após pesquisa rápida) está já, com todo o direito, nos anais do humor português, por fazer sorrir todos os que sobem ao bairro do castelo e por ali passam.

Homem habituado entalhar a dura pedra calcária, sulcou contra a corrente vigorosa que erigia as rígidas mentalidades da época e conseguiu, após algum tempo, que as opiniões amolecessem e aceitassem tal designação. Vinagre provou que ante a adversidade o lusitano não baixa a cabeça e que, quando é necessário, tem aquelas coisas que se põe na salada de alface (não, não é o pepino!) para encarar tudo e todos.

Caro Carlos, onde quer que estejas, deixo aqui a minha respeitosa vénia por teres levantado o nosso estado de espírito que, com os problemas da crise e da selecção, andava um pouco murcho...

12 setembro 2010

E O PRÉMIO PARA A PÁGINA DE REVISTA COM MAIS ERROS ORTOGRÁFICOS E DISPARATES PROFERIDOS POR FIGURAS PÚBLICAS VAI PARA…


A única desculpa que eu aceito para tanta distracção do autor ou do revisor de texto, é que estava a rebolar no chão de tanto rir com as citações das figuras públicas que coloquei dentro das elipses verdes e as lágrimas nos olhos não permitiram visualizar as sugestões do corrector ortográfico. Quer dizer, uma não é bem figura pública, é uma figurona ou melhor, nem é uma coisa nem outra pois não se sabe bem o que aquilo é. E creio que ele também não…mas para "cair de pé" só pode ser uma ave... uma ave rara!

Se eu tivesse aqui à mão um daqueles júris do livro dos recordes, ainda indagava se este excerto não merecia estar no famoso livro por ter tanta tolice junta!
PS: Esta semana, por razões profissionais, estarei ausente e não publicarei qualquer mensagem por isso não estranhem o meu “silêncio”. Até já e divirtam-se


09 setembro 2010

E SE O ALLgarve FOSSE CAPITAL EUROPEIA DO TURISMO EM MASSA 2012?

Uma campanha publicitária causou polémica por ter ousado sugerir que, em pleno Agosto de 2012, as praias Algarvias estarão desertas, porque o turista português preferirá estar em Guimarães, capital da cultura 2012.

Então a maioria dos portugueses vai gastar os preciosos dias de férias para ver e ouvir um actor/actriz num monócolo ou em grupo a representar textos de gente com nomes esquisitos como Pushkin, Brecht ou Resnik, ouvir cantar aos berros senhoras de voz aguda não se percebendo nada do ela diz, escutar recitais de poesia até às duas da manhã, ver filmes suecos ou dinamarqueses que são mais silenciosos do que os do Manuel de Oliveira? Não creio. E vão escutar as bandas filarmónicas estrangeiras que tocarão aquele tipo de música já muito antiga e que poucos sabem dizer de cor os nomes das mesmas? (exceptuando o Bolero de Ravel que, apesar do nome, muita gente não sabe quem compôs e as “Quatro Estações do Fitipaldi” que se conhece dos anúncios ao ar condicionado dos automóveis desportivos).

Creio que esta campanha está mesmo destinada ao insucesso. É que, pelo contrário os tugas vão, em Agosto de 2012, em massa para o Algarve porque, como viu nos anúncios, as praias vão estar finalmente desertas e é muito raro aparecer um Agosto assim…É a altura ideal para rumar ao Algarve!

Para colocar um pouco de água na fervura deixo aqui o meu contributo, gratuitamente, com umas ideias para uma campanha publicitária, a contrariu, promovendo o “Agosto 2012 no ALLgarve Capital Europeia do Turismo em Massa”, esperando que a maioria vá para lá e deixe os apreciadores de Mozart, Hayden e outros sorver o que Guimarães tem para oferecer e, depois disso, rumarem então ao Sul para absorver os raios solares das magníficas praias algarvias…sendo esta a opção mais democrática para todos e acabar de vez com a polémica!


Sessão plenária de início do ano parlamentar

Vaticano numa missa dominical

Concerto piquenique com Tony Carreira parque da Bela Vista

Jogo de apresentação do plantel do Benfica 2012/2013

Era só.
Ah! Se alguma agência de publicidade me quiser contratar pelas minhas ideias publicitárias inovadoras, agora não posso porque tenho que me ir deitar pois trabalho cedo...Bjs e abraços!

Créditos: a espécie de edição de imagem é minha e as fotos genéricas são do Google images










07 setembro 2010

POR ESTAS E POR OUTRAS É QUE EU PREFIRO GÉNERO A SEXO

Pelas publicações anteriores nota-se que o Facebook está a tornar-se um caso sério do humor em língua portuguesa mas desta vez creio que está a pisar o risco…

Retirado do meu perfil
É que as menções “Exibir”, “Meu” e “Sexo” não deveriam coexistir na mesma frase para informar os nossos amigos a que género pertencemos, mesmo que seja só para ser visto por eles ou pelos amigos deles, sob pena de se tornar uma escandaleira online…

Eu, não vá o diabo tecê-las e vir alguém atrás de mim, retirei a sinalética do “”que me podia transformar, involuntariamente, num exibicionista…

03 setembro 2010

Ainda o Facebook e as mudanças de sexo!

“Governo simplifica os procedimentos para a mudança de sexo” lido no site do Sol.

Então no Facebook, a partir de agora, quando alguém muda de sexo vai surgir no seu perfil:
ZZZ passou de “sexo x” a “sexo y” e não “foi complicado”?

02 setembro 2010

E COMO É QUE SE SIMPLIFICAM OS PROCEDIMENTOS PARA UMA MUDANÇA DE SEXO?


Após dissecar este assunto, constatei que é retalhando a legislação do registo civil existente, segmentando mais os artigos, aparando aqui e ali, apenas para alteração do nome. Esta transformação ceifa assim as esperanças dos mais conservadores, que não estão com certeza de acordo com isto, o que lhes vai dilacerar a alma durante uns tempos. Um dos líderes mais conservadores terá mesmo afirmado que, a mutilação de um dos valores mais sagrados do ser humano fará com que a democracia portuguesa sofra um rude golpe, estropiando assim um dos princípios basilares que nos norteiam e amputando uma das dádivas essenciais da mãe natureza.

No fundo é uma operação cosmética ou de corte e costura se preferirem, na legislação que permite só uma mais fácil mudança do nome....A pergunta é:

E porquê um titulo destes que deu origem a este disparate que escrevi?

Sugestão ao "Sol":
Para a próxima um título mais correcto seria “ Governo simplifica procedimentos para a mudança de nome de cidadãos que alteraram o seu género.”

MAIS UMAS PRECIOSIDADES VISTAS NO FACEBOOK...

01 setembro 2010

EXTRA! EXTRA! FACEBOOK CONSEGUE RESUMIR ENREDO PARA TELENOVELA COM QUATRO OU CINCO FRASES E ALGUNS CORAÇÕEZINHOS!

O Facebook não pára de me surpreender…
Mais umas preciosidades produzidas pelo seu “gerador automático de frases” ou lá como se chama a aplicação (para quem não está familiarizado com o Facebook, esclareço que quando se alteram algumas das definições do perfil de um utilizador, frases pré-definidas são geradas e publicadas para se informarem os amigos. Daí surgem as expressões como as da foto que publico.)

Para não se perderem nos episódios recomendo a leitura de baixo para cima…


Para completar a trama só faltavam as seguintes expressões:

XXX passou de “é complicado” a ”separado” e
XXX passou de “separado” a “divorciado”

Com esta súmula muito bem conseguida, o Facebook evita a visualização de 349 episódios de uma qualquer novela que todos já sabem como vai acabar…

Se gostarem mais de crime e mistério, imagino que os condimentos para um policial estarão reunidos quando no perfil de alguém surgirem as seguintes frases:

Xxxx passou de “casado(a)” a “numa relação aberta”
Xxx passou de “numa relação aberta a “é complicado”
Xxx passou de “é complicado” a “viúvo(a)”

E pronto era só. Gostei de “regressar ao activo” e volto amanhã ainda com o Facebook como assunto…

14 agosto 2010

SE SE SENTEM VERDADEIRAMENTE APTOS... É EMIGRAR

Segundo um anúncio no Facebook a Austrália está à procura de imigrantes mas que tenham qualificações, não dizem em quê mas ilustram o pedido com uma menina simpática que está de braços abertos à espera das habilidades do imigrante...

Se já tínhamos inúmeros motivos para emigrar este surge como um dos mais fortes pois parece que as aptidões por lá escasseiam…
Enfim publicidade!

11 agosto 2010

AVISO: ESTE POST TEM A RESPECTIVA BOLINHA VERMELHA E PODE FERIR A SUSCEPTIBILIDADE DE QUEM NÃO PERCEBE LATIM…

Pensamento científico do dia:

Se “in rectus formis” é de forma direita e se “in pilus formis” é em forma de pêlo, então esta atracção turística que visitei na ilha do Sal deve ter a forma de um…buraco grande, “in vastu orificiu formis” portanto e nunca “in cunnu formis”… como toda a gente pensa!

09 agosto 2010

ATÉ O SPAM ESTÁ VERDADEIRAMENTE EM CRISE…

Mas mesmo que eu fosse gestor (assistente) dos “funcionários aduaneiros em Portugal”, quisesse mudar para o “ramo da mineração” e fizesse um “contrato de trabalho com a segurança social”, não aceitaria esta “proposto de trabalho” porque não estou “prontamente disponíveis”.

No entanto aqui fica o anúncio caso interesse a alguém. Por mim já está na caixa de correio não solicitado…



05 agosto 2010

GENUÍNO DESGOSTO POR NÃO DECORAR OS NOMES DA ARTE DA DECORAÇÃO...

A decoração de interiores ou design de interiores para os mais perfeccionistas, sempre foi uma coisa que não me fascinou.

As únicas noções que tinha sobre design de interiores eram o não simpatizar com os candeeiros contendo penduricalhos em cristal pontiagudo, não gostar de mobília escura com rococós onde se acumulava o pó que tinha que limpar quando era pequeno, não gostar dos colchões rijos em palha de milho que uma das minhas tias tinha e não simpatizar com aqueles móveis que serviam para esconder um penico, que permanecia toda a noite nas imediações do nariz. Tudo o resto me parecia bem…
Sempre pensei que só existiam três ou quatro nomes para distinguir “os móveis”, que as cores eram só as que todos conhecemos e que os tipos de tecidos eram também só quatro ou cinco, sendo a ganga o mais forte e o mais bonito…

Também pensava que a expressão, “ isto fica bem é com isto” era só usada para as roupas de ganga e aí eu era um verdadeiro estilista pois rapidamente fazia combinar uns jeans azuis com uma camisa de ganga azul e um blusão de ganga azul.

Facilmente se depreende que quando tive que preencher os espaços vazios da minha primeira casa e me dirigi a uma loja de móveis, que também vendia cortinados, foi como se entrasse num universo paralelo que sempre existiu mas que eu nunca dei conta.

Expressões como “ cortinados em organza tom caqui”, “aparador em pinho mel”, “sommier com colcha champanhe”, “camilha com coberta em chenille azul-petróleo” (Azul petróleo? Nem esta foi fácil, eu nem sabia que havia uma variedade de petróleo em azul..).

E depois os tecidos jaquard, gobelain, as cores fuchsia, turquesa, safira, esmeralda azul-cobalto, borgonha, índigo, ocre, sépia e os móveis com designações esquisitas como camiseiro, consola, toucador, escaparate. Enfim… foi tudo muito cansativo e caro! Eu que o nome mais estranho que conhecia nesta área era “bibelô” mas que eu e o meu mano R. chamávamos de “traquitanas” para dar um ar mais masculino às brincadeiras…

Lanço aqui um desafio, quem é que não estando no ramo, não sendo o Castelo Branco ou aquela senhora com nome chique (Bobone creio) sabe de repente que raio de cor é o “caqui” e o “fuchia”, o que é uma “consola da ARC com duas gavetas” (já vi da Sony mas ainda não tem gavetas) ou se o/a “organza azul é mais forte que a ganga”. Viram como não é fácil? Eu que tenho metade disto em casa tive, mesmo assim, que pesquisar estes os nomes todos na net porque já não me lembrava deles…

Mas hoje estou mudado e considero-me um homem moderno, atento às novidades do mercado e é isso que quero partilhar com vocês o seguinte: num país europeu que visitei recentemente vi um candeeiro num hotel que fica bem em qualquer sala de refeições e que “acho o máximo!”, gostei mesmo porque não tem aqueles penduricalhos em cristal pontiagudo que eu não aprecio…



Encontrei depois, já no nosso país, uns no mesmo estilo para a cozinha e para as casas de banho mas não me parecem de muita qualidade se bem que têm os cordões em azul que parecem ganga…Para a sala ainda não descobri pois, segundo o fornecedor, é difícil pendurar uns sofás “Divani&Divani” com cordões azuis “que não são tão fortes como a ganga”…
                           
   




















Era só. Gostei de partilhar a minha sensibilidade para decoração com todos vós. Abraços e beijinhos…brevemente partilharei as minhas sensibilidades sobre pronto a vestir, flores ornamentais e plantas.

02 agosto 2010

HÁ POR AÍ MUITOS JACQUES ROUSSSEAU. ATÉ NO FUTEBOL... Parte 2

Enquanto o futebol está naquela fase das transferências hipotéticas para clubes milionários, das substituições em massa nos jogos de preparação, em que se espera que um guarda redes que custou 8 milhões de euros evolua e que todos se adaptem a uma bola laranja que rebenta por tudo e por nada mas que vai ser branca daqui para a frente, tive saudades dos comentários do Luís Freitas Lobo.

Conforme o prometido revelo aqui mais umas expressões do comentador que, salvo erro não está a preparar-se convenientemente para a época futebolística que aí vem pois ainda não o ouvi a comentar qualquer jogo desta pré-época, o que não augura nada de bom…e anda bem para mim que continuarei a rir a bandeiras despregadas (dentro dos maiores respeitos pelo senhor, é claro!)
Mas adiante. Estes comentários, alguns com uma profunda carga poética, podem ser encontrados na gravação do Alemanha - Argentina do último mundial. Ignorem se puderem as observações que fiz e que se encontram logo a seguir a estas pérolas..

A bola faz uma curva que fez doer a defesa Argentina (Após o 1ºgolo da Alemanha)

A equipa e alguns jogadores escondiam-se atrás do ego de Ballack e sem ele está melhor.
A equipa em particular ou só alguns jogadores medricas em geral?

A forma como a equipa alemã participa nos espaços é notável.

Os jogadores alemães cheiram o perigo (ou os espaços… não me lembro)
E a associação portuguesa de criadores de perdigueiros mordidos por aranhas radioactivas sabe deste fenómeno?

Não é a posição que faz o jogador é o jogador que faz a posição.
Assim qualquer um pode ser La Palisse…

A Argentina e a Alemanha têm dois tipos de futebol encurralados em galáxias diferentes.
Quem é que os deixou fugir para jogarem na mesma galáxia?

O Ozil é um jogador tem intimidade com a bola.
Sim, sim mas agora poupem-me os detalhes…

Os jogadores alemães parece que crescem quando a Argentina se aproxima da área.
Será então por isso é que a Pfizer escolheu a cor azul celeste para determinado comprimido?

Este jogador tem uma inteligência fria.

(…) inteligência mecânica da Alemanha…

Ângela Merkel é uma autêntica cheerleader. (narrador após um dos golos da Alemanha em que a senhora festejava efusivamente com pulos e abraços)
Resposta do LFL: Pensa lá que outra coisa é que punha Ângela Merkel assim…isto publicamente claro.
Sabemos onde queres chegar Luís mas por respeito é melhor ficarmos calados.

Olhar de Maradona já escureceu.
Para quem andava sempre com um brilhozinho nos olhos até não é muito mau pois não?

Os jogadores da Alemanha estavam afogados em Ballack e sem Ballack soltaram-se.

A alma do futebol argentino já saiu do campo. (após o 3-0)
A Argentina já tinha perdido a alma e agora perdeu o corpo. (após o 4-0)
E ressuscitará ao terceiro campeonato ganho?

25 julho 2010

A MINHA MODESTA CONTRIBUIÇÃO PARA A REVISÃO CONSTITUCIONAL... PARTE II

Artigo 44.º
Direito de deslocação e de emigração

1. Anterior redacção:
A todos os cidadãos é garantido o direito de se deslocarem e fixarem livremente em qualquer parte do território nacional.

1. Minha proposta:
A todos os cidadãos é garantido o direito de deslocarem, mas atenção que a gasolina está mais cara e há mais portagens para pagar agora do que em 1976. Por causa da lei do Ordenamento do Território já não convém que se fixem livremente em todos os locais. Para além disso o campismo selvagem acabou e mesmo em roulottes agora a coisa pia mais fino.

2. Anterior redacção:
A todos é garantido o direito de emigrar ou de sair do território nacional e o direito de regressar.

2. Nova roupagem:
É melhor não ser garantido a todos o direito de emigrar ou sair do território nacional, sob pena de não ficar cá ninguém para cuidar disto e, atenção, que lá fora também está mau e não se garante bem o direito de regressar pois pode não haver dinheiro para isso.

Artigo 12.º
Princípio da universalidade
1. Todos os cidadãos gozam dos direitos e estão sujeitos aos deveres consignados na Constituição.
2. As pessoas colectivas gozam dos direitos e estão sujeitas aos deveres compatíveis com a sua natureza.

Nova proposta sob a forma de artigo único:

Artigo 12º
Principio da homossexualidade
1. Já ninguém pode gozar mais com os direitos dos sujeitos que pensam que podem ser compatíveis apesar de, diz quem “percebe” disso, ser contra a natureza porque agora têm deveres que ficam consignados na Conservatória.

Artigo 128.º
Mandato
1. O mandato do Presidente da República tem a duração de cinco anos e termina com a posse do novo Presidente eleito.
2. Em caso de vagatura, o Presidente da República a eleger inicia um novo mandato.

Na minha proposta acrescentaria este artigo:
3.Durante o mandato, o Presidente da República deverá, preferencialmente, rir mais que o ex-presidente Ramalho Eanes, falar menos que o ex-presidente Mário Soares e mais simples do que o ex-presidente Jorge Sampaio, bem como, comentar mais do que o actual presidente Cavaco Silva.

E pronto são só estas as alterações que proponho...

24 julho 2010

POSSO TAMBÉM DAR UMA CONTRIBUIÇÃOZINHA PARA A DISCUSSÃO SOBRE A REVISÃO CONSTITUCIONAL? POSSO? POSSO? ESTÁ BEM! DEPOIS NÃO SE QUEIXEM!

Aproveitando a onda, não queria deixar de propor igualmente algumas alterações à Constituição. Devo dizer que não sendo um constitucionalista de formação, bastaram dez minutos de leitura para perceber quais os artigos que, na minha excêntrica opinião, deveriam ser alterados, estando até um pouco estupefacto por ninguém se ter lembrado disto antes…

Este é o anteprojecto com as minhas propostas para a revisão constitucional. Basicamente retirei do articulado da Lei Fundamental, algumas enunciações que se encontram desajustadas, face aos novos desenvolvimentos. (Tinha que colocar alguma linguagem jurídica para isto ficar mais credível!). Espero pois que as instâncias competentes estejam atentas a este blogue para serem colmatadas as lacunas assinaladas...

Artigo 47.º
Liberdade de escolha de profissão e acesso à função pública
1. Anterior redacção:
Todos têm o direito de escolher livremente a profissão ou o género de trabalho, salvas as restrições legais impostas pelo interesse colectivo ou inerentes à sua própria capacidade.

1. Minha proposta:
Todos têm o direito a escolher livremente a sua profissão ou género de trabalho à excepção do Toy, do Castelo Branco e do Carlos Queirós, para bem do interesse colectivo, por inerência das suas próprias incapacidades.

2.Anterior redacção:
Todos os cidadãos têm o direito de acesso à função pública, em condições de igualdade e liberdade, em regra por via de concurso.

Proposta:
2.Agora já quase ninguém tem acesso à função pública, pois por cada quatro que se reformam só um é que entra e quando entra. Para além disso a função pública está cada vez mais parecida com a função privada. No entanto, podem sempre tentar mas atenção às condições de desigualdade, regra geral sem concurso.

Artigo 53.º
Segurança no emprego
É garantida aos trabalhadores a segurança no emprego, sendo proibidos os despedimentos sem justa causa ou por motivos políticos ou ideológicos.

Minha proposta:
Artigo 53.º
Segurança no emprego
É garantida aos trabalhadores a segurança no emprego, sendo proibidos os despedimentos sem justa causa ou sem razão atendível ou sem justa razão ou sem causa atendível ou sem fundamento aceitável ou sem motivo admissível ou sem móbil compreensível ou sem origem inteligível, esperando que esta lista de sinónimos agrade a todos e deixem este artigo em paz pois, como todos sabemos, isto da segurança no emprego é muito relativa e depende das “crises” e da descida do “rating” , que ninguém sabia o que era em 1976 pois foi inventado recentemente por empresas americanas.
(este artigo requer ainda uma revisão nas virgulas e coiso, durante a discussão “na especialidade” pois está muito comprido, diverte-me mas não me soa bem gramaticalmente.)

Vou publicando os artigos a pouco e pouco pois este post já vai longo e vocês perdem a paciência para ler tudo até ao fim. É que parecendo que não ainda perdi 20 minutos a fazer isto ...voltem amanhã.

22 julho 2010

AFINAL ISTO DE SERMOS MAIS INFELIZES DO QUE OS COSTA-RIQUENHOS NÃO É SÓ UMA “FASO”

Clique na imagem para aumentar 
Segundo uma investigação, certamente executada por fases, os portugueses são também mais infelizes do que os paquistaneses e argelinos. Estou convencido que com as medidas que estão a ser faseadamente implementadas contra a crise, esta “faso” vai durar mais tempo do que se pensava…

Porque todos os dias se aprende:
“Burkina Faso”, denominação oficial deste estado quer dizer “terra dos incorruptíveis” e designava-se Alto Volta antes de 1984, pelo que, os seus cidadãos, estão mais ou menos habituados a que lhe troquem o nome. Mas com esta nova designação nem quero saber o que lhe estão a chamar agora…mas não devem estar nada felizes! 

20 julho 2010

HÁ POR AÍ MUITOS JACQUES ROUSSSEAU. ATÉ NO FUTEBOL...

A blogger genuína Catirolas num comentário que publicou aqui há atrasado dizia, a propósito de uma análise mais ou menos estrambólica que publiquei sobre o futebol, que “não sabia porque é que não me convidavam para comentador desportivo”. Na altura agradeci e hei-de agradecer sempre, mas respondi que “nunca o poderia ser”.

Eu nunca poderei ser comentador desportivo porque adoro o que faço já há alguns anos e porque o mercado de comentaristas está saturado de ex-jogadores de bola que não são treinadores, ex-jogadores de bola que são treinadores, ex-jornalistas desportivos de jornais diários, advogados, presidentes de câmara, realizadores de cinema, treinadores e ex-treinadores e mais não sei quem, desde que goste de futebol e seja relativamente conhecido.

Por outro lado para ser comentarista desportivo são necessárias outras aptidões que não domino como desenhar segmentos de recta e círculos que se entrecruzam em painéis interactivos com a forma de um campo da bola ou em computadores com ecrã táctil. Ah! E também porque não sei bem o significado da expressão, "No enfiamento da jogada".

Eu pensava que esta era uma das poucas expressões que não entendia até aparecer o Luís Freitas Lobo. Eu não sei o que já se disse sobre este cavalheiro mas de certeza que ainda não foi dito o suficiente. Digamos que se ele reúne todas as qualidades de um Descartes, de um Camões, de um Kant ou de um Bocage na figura de comentador desportivo. Ele é expressão máxima da erudição tão reclamada para o futebol, até aqui reservado aos “incultos”.

Devo desde já dizer que só comecei a ouvir o Luís F. Lobo, e os seus comentários no Mundial, quando finalmente filtraram o som das vuvuzelas e pude desfrutar de tudo o que foi dito. Comecei até a ver os jogos de uma forma mais divertida.
Quem tiver gravado o jogo Chile-Brasil vai ouvir estas afirmações do comentador que o país vai consagrar e que, pelo que apurei, já foram premiadas ao mais alto nível, e classificadas como… pândegas:

Suazo não parece esteticamente um jogador rápido mas desequilibra.
Prémio patrocinado pelas tintas Tartaruga da Robbialac

Boa defesa (guarda redes do Chile) isto pode levantar a equipa neste início de jogo.
Prémio entregue pela “União Ilusionistas Levitadores”

Suazo é um jogador que adivinha onde a bola vai cair.
Prémio pela “Academia de Videntes Africanos” a residir em Portugal

Isla é um jogador um pouco híbrido e actua pela direita.
Prémio patrocinado pelo programa Governamental para Energias Alternativas

A bola entra em Ramires e acelera.
A bola entra em Danny Alves e acelera.
Para estas duas não deve haver prémio…até porque deve doer…

Marcação mista mas desorganizada.
Prémio “Afinal não é bem mista é outra coisa qualquer”

Chile é uma equipa que não sabe perder a bola e quando perde fica descompensada. È preciso saber perder a bola e o Chile não sabe perder a bola.
Prémio entregue pelo “Associação Portuguesa de Psicólogos e Psiquiatras”

O Chile joga agarrado às suas convicções e isso é importante para uma equipa.
Prémio patrocinado pela “Associação dos Narcóticos Anónimos”

O treinador do Chile sente o jogo a fugir-lhe.
Prémio “Sei lá o que é que hei-de dizer desta figura de estilo”…

Káká tinha um corredor para entrar, entrar para dentro, e com hipótese de puxar para dentro.
Prémio da “Associação Portuguesa Contra a Extinção dos Pleonasmos”

Káká é um jogador que lê os espaços vazios e coloca-se neles de uma forma notável.
Prémio “Ler+ do Plano Nacional Brasileiro de Leitura”

O Chile tem jogadores muito engraçados…. Muito atraentes ofensivamente.
Prémio da “Federação Internacional de Gays, Lésbicas e Transgénero” I.

Olhar tresloucado do treinador do Chile. (isto por acaso foi o narrador do jogo que disse)
Prémio da “Liga Nacional de Exorcistas”

O Juarez esteticamente não é muito elegante mas estica a perna.
Prémio da “Federação Internacional de Gays, Lésbicas e Transgénero” II.

Equipa respira melhor num 4x4x2.
Prémio Breathe Rigth da Glaxo (aqueles do penso para o nariz)

Como vêm como há por aí gente com muito mais capacidade do que eu para fazer estas figuras…
Convido desde já para um dia destes, visitarem esta chafarica onde colocarei os comentários ao Alemanha-Argentina…proferidos por este Jacques Rousseau dos comentaristas.

18 julho 2010

É OFICIAL ESTAMOS VERDADEIRAMENTE NA "SILLY SEASON"...

Conforme prometido e apesar de já saber que vou perder alguns leitores por causa desta escandaleira, cá está uma foto minha em plena "silly season", de calções.

Aviso já que, jamais me verão nestes preparos outras vez, a menos que a minha filhota insista... novamente. A prometida foto em tronco nu não passou na reunião plenária caseira com dois votos contra. No entanto retenho a frase, com a qual começo a concordar, " Mas estás a ficar doido!", que me derrotou.
De qualquer modo e para os mais curiosos(as), confesso que os abdominais não são lá grande coisa…

As revistas do social, ávidas de fotos de gente famosa em posições estranhas, que queiram publicar a foto podem fazê-lo livremente, desde retoquem os abdominais com o Photoshop e digam que é o CR9 a brincar com os brinquedos que comprou para o filho…






17 julho 2010

ESTAMOS ORGULHOS DE, PELA TERCEIRA VEZ, SERVIRMOS O CIDADÃO COM INFORMAÇÃO CONSIDERADA MAIS OU MENOS ÚTIL…

Apesar de não conseguir que a consulta grátis fosse paga, o Antifalsidades garantiu mais uma vez  o aviso que faltava e que complementa o seguinte anúncio:

Estimados clientes:
A gerência informa desde já que esta modalidade de vidência tem fases. Há fases em que fazemos previsões completamente novas, outras em que só vaticinamos um quarto do que vai acontecer e outras ainda em que só descortinamos metade do que aí vem.

 Folgamos em dias de eclipses totais, céu encoberto (por razões óbvias), às Sextas, Sábados, Domingos e vésperas de feriado, porque a clientela vai toda para as Docas ou Bairro Alto durante a noite toda e o negócio fica às moscas.

 
Para estes clientes recomendamos mesmo assim que, em caso de urgência contactem com os nossos colegas videntes pelo Sol, logo na manhã a seguir à noitada, se o tempo o permitir.

16 julho 2010

O ANTIFALSIDADES ESTÁ, PELA SEGUNDA VEZ ORGULHOSO DE SERVIR OS DIREITOS DOS CIDADÃOS…MAIS OU MENOS SEM INTERVENÇÃO DA DECO!

Pela evidente omissão de informação deste anúncio:


e após duras negociações, ao telefone acho eu, o Antifalsidades conseguiu a garantia que o/a visionário/a, nos subsequentes classificados, inclua em letrinhas pequeninas o seguinte aviso, que completa quase toda a informação que faltava. Isto porque ainda não consegui que a consulta grátis fosse paga…

Estimados clientes;

A gerência comunica que este estabelecimento encerra no Inverno, a partir das 17:00 e nos dias mais encobertos pois já não se consegue ver nada e a presciência sai fraquita. Os clientes que ainda estão em lista de espera por causa do maldito Inverno que tivemos e têm esperança de ser atendidos antes do próximo, queiram por favor verificar a previsão meteorológica para os próximos dias, antes de saírem de casa e se darem ao trabalho porque este Verão também não está nada famoso…ou dirijam-se à nossa filial do Algarve.

O horário de Verão, em dias de céu limpo, é um pouco mais alargado, até às 20:30, pelo que, depois dessas horas, rogo a fineza de contactarem os meus colegas especializados em vidências pela Lua…

Nota: quem não sabe o que é “presciência” e “rogo a fineza”, faça como nós e verifique os sinónimos no Word pois quem escreveu isto foi um tipo qualquer que ligou para aqui a dizer que era da DECO…

14 julho 2010

E O PRÉMIO “RECLAMO DO ANO” VAI PARA…TCHARAN: AS VIAGENS MARSANS

Pede-se a todos os lesados que reclamem contra este reclame porque, a partir da semana passada, passou a ser publicidade enganosa e afirmo isto, “com toda a confiança”…
A fotografia foi captada em andamento algures em Lisboa, por isso está cortada, mas o resto do anúncio dizia “Estou aqui, estou lá”.


È irónico não é? Pois! Eu que sempre prezei o universo da publicidade e a forma como alguém arrisca em convencer-nos a comprar um produto, que raramente usa, socorrendo-se de locuções que melhor o identifiquem e que cativem a nossa atenção. No nosso país existem verdadeiros mestres da publicidade, comparados até a visionários que conseguem vender tudo e mais um telemóvel de “ecrã super amoled” por 400€, só porque “na praia vai ver as aplicações melhor ao Sol”. Eu, que este ano já nem vou mais à praia…

Pelo reclame da Marsans que vi, e apesar de não dominar este assunto (aliás, há pouca coisa que domino) a partir de agora, considero que publicitários e espiritualistas/médiuns/videntes deveriam ser englobados na mesma categoria profissional, pelo seguinte e estapafúrdio raciocínio:

- Os publicitários têm um dom que nasce com eles, que os tornam únicos e muito solicitados. Os espiritualistas também;

- Tentam convencer-nos que o seu produto é melhor do que o da concorrência. Os mestres videntes também, basta ver os curricula que surgem nas páginas dos jornais...

- São considerados verdadeiros mestres no que fazem, os médiuns também;

- Os publicitários quando lançam um produto novo tentam persuadir-nos que algo que ainda não existe é bom e resulta. Os videntes também tentam convencer que algo que não existe resulta;

- Os publicitários conseguem enviar mensagens subliminares aos nossos cérebros, hoje, que nos impelem a gastar dinheiro em produtos que se calhar nem precisávamos, na próxima vez que formos às compras (confesso que tenho muito medo disto e já me aconteceu quando comprei um “wonderbra” que não era para o meu tamanho!). Os mestres do oculto, dotados também de poderes,  obrigam as pessoas a gastar dinheiro em assuntos desnecessários e sem se saber bem porquê;

- Os publicitários conseguem fazer transparecer a ideia que determinado produto “é a solução para o meu problema”, já os magos curandeiros deixam transparecer de que ” não há problema sem solução”;

- Os publicitários conseguem convencer-nos a pagar tudo em suaves prestações, só depois de já termos o produto em casa. De igual forma, os videntes convencem-nos que só se paga depois de obter o resultado, em suaves prestações até perdermos a casa…

Esta lengalenga toda para dizer o quê? Pois já não me lembro e perdi-me no raciocínio… Ah! Sim! Só para dizer que o vidente publicitário que inventou a máxima das Viagens Marsans, deve ser um autêntico mestre Karamba pois não previu que essa empresa em 2010 já não estaria aqui em Portugal, nem está lá (em Espanha) e que, quem com “toda a confiança” está a pagar em suaves prestações as suas férias, não vai obter “resultado” nenhum e corre o risco de não poder pagar a casa…

Agora só lhes resta o “Olhe! Reclame para a Deco!” e este reclamo algures em Lisboa…

Kum Karamba!!


12 julho 2010

MOMENTO GENUINAMENTE ESPIRIPAULISTA…

Após aturada meditação contemplativa posso desde já profetizar que, se não forem divulgadas as gravações do jornal Sol, o Carlos Queiroz vai agarrar-se ao contrato que tem com a FPF como um polvo a uma rocha e nunca mais larga a selecção. Depois, quem se lixa é o mexilhão que quase morre do coração cada vez que testemunha experiências empíricas, em directo na TV, como o Ricardo Costa a defesa direito e o Danny no lugar do Hugo Almeida…

11 julho 2010

PLAYBOY, JESUS, MENINAS DESPIDAS E MAIS NÃO SEI O QUÊ...

Parece que anda aí uma polémica qualquer, que envolve a revista Playboy, Jesus e o José Saramago. Eu não sei porquê tanto barulho, porquê tantos considerandos estéticos e éticos. Relembro aqui algumas passagens da bíblia que ajudarão a sossegar os ânimos. É que isto não é nada de especial tendo em conta que, já há alguns milénios se escreveram, no livro sagrado, passagens como estas: (se a xilogravura existisse já nesse tempo e tudo fosse ilustrado, imagino a escandaleira…)

São Lucas 17,34
Digo-vos que naquela noite dois estarão numa cama: um será tomado e o outro será deixado…

São Lucas 17,35
..duas mulheres estarão moendo juntas: uma será tomada e a outra será deixada.

Gênesis 2,24
Por isso o homem deixa o seu pai e sua mãe para se unir à sua mulher; e já não são mais que uma só carne

Gênesis 2,25
O homem e a mulher estavam nus, e não se envergonhavam.

Gênesis 3,6
A mulher, vendo que o fruto da árvore era bom para comer, de agradável aspecto e mui apropriado para abrir a inteligência, tomou dele, comeu, e o apresentou também ao seu marido, que comeu igualmente.

Gênesis 3,12
O homem respondeu: “A mulher que pusestes ao meu lado apresentou-me deste fruto, e eu comi.”

Gênesis 4,1
Adão conheceu Eva, sua mulher, e ela concebeu e deu à luz Caim, e disse: “Possuí um homem com a ajuda do Senhor.”

Gênesis 4,19
Lamec tomou duas mulheres, uma chamada Ada e outra Sela;

E a última é só para nos perdoar a todos de alguma tolice que dissemos, escrevemos ou fizemos…

(São Marcos 3,28
Em verdade vos digo: todos os pecados serão perdoados aos filhos dos homens, mesmo as suas blasfémias.

Em suma: Quem quer que tenha razão está perdoado e pronto... vamos lá continuar as nossas vidas, a ver se no próximo número sai mas é a Soraia Chaves que cometeu um crime com um Padre qualquer!

E EIS SENÃO QUANDO UM ERRO DE "LAPALICE"...

.

Visto neste blogue numa das publicações mais recentes
Ao leitor anónimo atento os meus agradecimentos, prumetendo que vão existir mais, dada a rapidês com que escrevo. É só uma queztão de tempo...

08 julho 2010

MAIS UMA DESTAS E ESTA “TASCA” TORNA-SE NUMA SUCURSAL DA DECO…ou não

O “Antifalsidades” está orgulhoso de, pela primeira vez, servir o cidadão com informação que pode ser relevante nesta altura de crise e de férias. É uma espécie “Serviço Público” pelo qual nada se cobra…

Se forem de férias à maravilhosa Berlim e a TAP, no check in, vos der um cartão de embarque com o voo Bruxelas-Berlim pela Sabena, protestem e façam valer os vossos direitos com uma queixa à DECO. É que só pode ser mais um esquema da “Marsans” já que, a Sabena, faliu em 2001 e não voa para mais lado nenhum desde essa data. É um tipo de fraude bem conhecida esta “camuflagem”:
- Usar um nome de algo que já não existe mas cuja designação ainda está bem presente na mente de todos, para nos “sacar” mais dinheiro e perpetrar assim um crime…
Convém passar palavra para que não aconteça a outros!


Ou então, estou a ver filmes a mais e foi só um erro, do qual ninguém deu conta, na revista de bordo da TAP deste mês que li num saltinho que dei a um país Europeu, que se quer dividir entre uns que, salvo erro, por nada fazerem são os “vilões” e outros, mais chiques e trabalhadores, mas que se designam a eles próprios com o nome de um tipo de queijo…

Era só…bom dia

05 julho 2010

BREVE RESUMO, SUCINTO E CONCISO SOBRE O QUE SE PASSA NO FUTEBOL:

Decorrente da crise, o FCP em vez da fruta tropical fresca, anda a pagar por maçãs podres.

O Moutinho, por não ter desde os 19 anos grande margem de progressão, não vai crescer nada como jogador no FCP. Fica tal e qual como era no Zbording, 1,45m mais ou menos.

Jesus já comentou que recusou o Moutinho porque não gosta de jogadores parecidos com Judas, que estão sempre a pedir o céu, que fazem da vida dos dirigentes um Inferno e que depois são crucificados pelos sócios na praça pública.

O Ronaldo, bem aconselhado pelo pessoal do marketing e precavendo a sua não explosão no Mundial, delineou um plano B para não se falar mais das suas más prestações na competição:
Explodiu há cerca de nove meses atrás algures nos EUA, entre os períodos de treino e do seu repouso activo e, agora, toda a gente fala é do filho surpresa e do mistério da mãe incógnita.

Todas as revistas e jornais desesperam pelo exclusivo da foto do petiz, menos o 24 Horas que a esta hora já se arrependeu de ter falido (ou lá o que é que lhe aconteceu!). Os administradores já pensam em não ir de férias e, com esses milhões, reeditar o matutino até que uma qualquer Felícia Cabrita encontre a mãe…

Jesus profetizou que o Benfica ia ser bicampeão e eu, senhor, passei outra vez a acreditar!

04 julho 2010

E O PRÉMIO “JACQUES DE LA PALICE COUSTEAU ” VAI PARA A SEGUINTE PARANGONA:



Porque os restantes ainda não conseguem sobreviver debaixo de água, derivado ao facto de não serem anfíbios nem terem botijas de ar comprimido…
A notícia segue contrariando-se a ela própria, com considerandos económicos que me levam a concluir que, afinal, está é tudo está afogado em dívidas, que o país está inundado de problemas e mergulhado profundamente numa crise, por causa da qual, já se acabaram os subsídios/deduções para a compra da única coisa que nos pode salvar:
- A botija de ar comprimido (inventada por Costeau). (Eu numa tentativa desesperada de sobreviver já comprei uma que, por ironia, me Costeau os olhos da cara)
Perante esta enxurrada de problemas os nosso políticos continuam a meter água…
E no fim, pasme-se, a notícia diz que “a maioria dos lusos considera-se feliz”. Que grandioso e resistente é o povo edificado por ti caríssimo Viriato!

01 julho 2010

É GENUINAMENTE UM IMPULSO…

“E se um desconhecido de repente lhe oferecer”… isto, o que é que faz com onze peluches pequeninos todos iguais?

 

Estão à  espera que seja lançado um produto para homem nesta linha. O fornecedor não sabe ainda se serão onze martelos próprios para partir pedra ou onze brocas ponta diamante nº 6. De qualquer maneira se me oferecerem vou-me fartar de rir…

Ah! Estes ramos de peluches foram vistos por aí num centro comercial…

30 junho 2010

VERDADEIRAMENTE O CONTRÁRIO DE ESTAR MORTO É ESTAR VIVO (e vice versa)

Não sei exactamente quantos pessoas compõem a família “Cardinali”, mas pelos menos 45 têm um circo, que estão em permanente tournée pelas cidades e vilas de Portugal.
Este encontrei-o nas Caldas da Rainha e tem a particularidade de apresentar um espectáculo “top class”em que os animais, pasme-se, estão vivos! E é um show único em Portugal…

                   

Eu sei que faz já há algum tempo que não vou a um circo mas, pelo que me lembro, nunca vi um espectáculo com animais mortos que, de resto, não deve ser muito impressionante. Por outro lado, se pensar bem, até acho que seria uma boa solução:

- Estes animais não dariam muita despesa; não era preciso “treiná-los até à morte”; evitavam-se as reclamações da liga protectora dos animais e, à boa maneira portuguesa, contornava-se a lei que proíbe a exibição de animais vivos nos circos em território nacional…

Vou tentar passar esta ideia a um dos outros 44 circos “Cardinali”, caso seja inovadora….

Ah! Agora que me recordo, uma ocasião em Espanha num placar estava escrito:

“Pelo tercero sieculo consecutivio espetaculo de classe topo con animales quasi a morrir. Espetaculo unico aqui e en Barranquios”.

Entrei e um senhor, vestido como se fosse desfilar numa parada relacionada com o orgulho qualquer, munido com uma espécie de uma toalha de mesa em tom rosa/avermelhado com a qual tentava tapar um inchaço que tinha junto à virilha esquerda, dava um espectáculo com um animal preto, pelos vistos, adestrado para tentar acertar nessa intumescência até à exaustão, sempre com cara de mau.
Como dessa vez não conseguiu acertar no enchumaço pois a manta por vezes tapava-lhe os olhos e não o deixava ver nada, o altivo adestrador desferiu um golpe com uma espada no cachaço do animal que, depois de morto, anuiu em dar duas voltas à pista sob fortes aplausos e foi, de facto, o único espectáculo decadente com bichos mortos, que vi.

Ah! Esperem, tirando o meu gato que quando caça um rato insiste em dar saltos mortais, por vezes empranchados, enquanto projecta o roedor a uma metro acima do solo, já defunto, e o agarra com as mandíbulas caindo depois com uma elegância que me faz lembrar a Nadia Comaneci, quando era pequenina.

E pronto era só mesmo isto que queria verbalizar sobre esta tonteria…

PS: Lamento imenso mas não domino os termos do tauromaquês, como o grande Maurício do Valle, nem o castelhano na forma escrita!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...